By using this website, you agree to the use of cookies as described in our Privacy Policy.
Rua António Augusto Gonçalves, 3040-241 Coimbra

Notícias

Biblioteca - Escola Secundária D. Duarte

Biblioteca - Escola Secundária D. Duarte

Dia Internacional em memória das vítimas do Holocausto

Dia Internacional em memória das vítimas do Holocausto

Entre os dias 18 e 31 de janeiro, numa iniciativa conjunta do PCE/PNA, Escola UNESCO, EECE e Biblioteca Escolar realizaram-se diversas atividades que assinalaram o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto.

Esteve patente, no átrio da Biblioteca da Escola Secundária de D. Duarte, a exposição “#Esquecer Nunca” que integrou trabalhos de alunos e uma abordagem do Holocausto através do Cinema, visitada de forma livre, pelos alunos da Escola.

Os alunos das turmas 10ºA e 11ºB participaram na atividade "O Guarda Chaves desvenda o Pátio da Inquisição", em que uma personagem, o Guarda Chaves, criada pelo ator de “A Escola da Noite”, Ricardo Kalash, transporta o público pelo Pátio da Inquisição desvendando as suas histórias, desde a inquisição até aos nossos dias.

Com genuíno interesse, pelos locais, narrativas e diálogos com o Guarda Chaves, os alunos e as alunas puderam compreender as raízes históricas do anti-semitismo e as práticas persecutórias a ele associadas, em Portugal, e refletir sobre a necessidade de enfrentar o ódio descontrolado, prevenir a violência massificada e os genocídios em todas as suas formas e origens, como a única resposta possível aos desafios brutais com que o mundo atual se debate.

Ver fotos

Cartaz


 

Curso Básico de Música em Regime Articulado

Curso Básico de Música em Regime Articulado

Oferta formativa para o ano letivo 2024/2025, do Curso Básico de Música,em Regime Articulado com o AECO (EB 2,3 Inês de Castro)

A 1ª fase de inscrições 2024/2025 para o Curso Básico de Música em regime articulado, decorre de 15 de fevereiro a 15 de março de 2024, através do preenchimento do formulário online que estará disponível em www.conservatorioregionalcoimbra.com acedendo ao separador "Inscrições 2024/2025".

Flyer


 

Vamos Cuidar do Património

Vamos Cuidar do Património

Baseado no livro O Património É Meu, É Teu, É Nosso. Vamos Cuidá-lo, da autoria da Dra. Adília Alarcão, nasceu o projeto "Vamos Cuidar do Património", que tem como objetivo sensibilizar os alunos para a necessidade de preservar o património. Este projeto visa envolver os alunos no estudo e na defesa do património local, implicando um maior conhecimento do espaço que os rodeia, convocando conhecimento de diferentes áreas disciplinares, consubstanciado numa prática de cidadania ativa.

Este projeto está em conformidade com os princípios consignados no Perfil dos Alunos à Saída da escolaridade obrigatória, sendo os Domínios de Autonomia Curricular (DAC), o espaço adequado à sua concretização.

Baseado nos pressupostos anteriores e mediante convite efetuado pelo Museu Machado de Castro e pela sua Liga de Amigos, e integrado no Plano Nacional das Artes (PNA), a turma F do 8.º ano, da Escola Básica 2,3 de Taveiro, aceitou prontamente o desafio. 

Inicialmente registou-se uma reunião no Museu Machado de Castro com o objetivo de apresentar o projeto, onde estiveram presentes outras escolas envolvidas, tendo o nosso agrupamento sido representado pela Coordenadora de estabelecimento da EB2,3 de Taveiro, Isabel Pacheco Mendes, e pela Coordenadora do Projeto na EB2,3 de Taveiro, Ermelinda Cruz. Posteriormente, o  Professor António Cerdeira, coordenador intermunicipal do PNA, e após a distribuição de um exemplar do livro O Património É Meu, É Teu, É Nosso. Vamos Cuidá-lo, contextualizou e explicou o projeto à turma. Seguidamente realizou-se uma reunião com todos os docentes envolvidos no projeto, nomeadamente os docentes de Português, Francês, Inglês, Ciências Naturais, História, Educação Visual, Físico-química, Geografia, Educação Física e Cidadania e Desenvolvimento. 

Com o objetivo de dar prossecução ao projeto, os alunos envolvidos farão um levantamento do património da sua freguesia, que será registado em fotografia, esboços, entre outros, com vista à realização de uma exposição no Museu Machado de Castro. Posteriormente, realizar-se-á uma visita dos alunos ao Museu, sendo os docentes e alunos envolvidos recebidos pelas personalidades responsáveis pelo projeto.


 

As crianças reivindicam a Paz no Jardim de Infância de Póvoa de São Martinho.

As crianças reivindicam a Paz no Jardim de Infância de Póvoa de São Martinho.

Tudo começou com algumas atividades sugeridas pela educadora a propósito da celebração do Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto (proposta da UNESCO e do PNC do AECO). Surgiu de seguida nas crianças o interesse por falar das guerras que veem diariamente na televisão e naturalmente a manifestação do desejo de Paz. A educadora levou as crianças a estabelecer relação com o que estas já sabiam sobre os seus direitos e falou-lhes da importância de dizerem ao mundo o que pensam, o  Direito à Paz e o Direito à Participação. Surgiu assim a ideia de  cartaz.

“As crianças tiveram o aplauso de quem estava na paragem do autocarro, buzinadelas dos veículos que passavam em solidariedade e a atenção dos transeuntes ao longo de todo o percurso dado que eles foram gritando sempre as palavras de ordem. Foi uma experiência muito construtiva para as crianças que manifestaram a satisfação pelo apoio e envolvimento que criaram com a comunidade, vinham de peito cheio” – educadora Anabela


 

logos